Análise de Vulnerabilidade em Smart Grid Utilizando Métricas de Centralidade em Grafos

Nome: Elizandra Pereira Roque Coelho
Tipo: Tese de doutorado
Data de publicação: 18/02/2019
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Marcelo Eduardo Vieira Segatto Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Augusto César Rueda Medina Examinador Interno
Elizete Maria Lourenço Examinador Externo
Marcelo Eduardo Vieira Segatto Orientador
Marcia Helena Moreira Paiva Coorientador
Walbermark Marques dos Santos Examinador Interno
Walmir de Freitas Filho Examinador Externo

Resumo: A análise de contingência de sistemas de energia representa uma parte crtica do monitoramento de seguranca, necessario para manter a conabilidade do sistema de energia e identicar pontos de vulnerabilidade operacional da rede elétrica. Em geral, os métodos tradicionais de análise de contingência 𝑁 − 1 simulam algumas interrupções, devido aos altos custos computacionais envolvidos. Assim, eles podem falhar em identificar algumas contingências críticas que podem levar a falhas em cascata. Considerando ainda que com os avanços das tecnologias inseridas ao sistema a m de prover as Smart Grids, tem-se que a complexidade do sistema de energia está aumentando constantemente. Tal aumento da complexidade requer que novos métodos que permitam a análise de múltiplas contingências sejam desenvolvidos. O presente trabalho propõe uma nova abordagem de busca exaustiva para a análise de contingência simples e múltipla em sistemas de transmissão de energia elétrica. Tal abordagem e baseada em medidas de centralidade de redes. Primeiramente o método proposto avalia todas as possíveis 𝑁 − 1 interrupções da linha de transmissão em um tempo computacional muito curto, e requer apenas informações topológicas da rede. Os resultados são apresentados para dois sistemas de energia elétrica: ITAIPU 11 barras e IEEE 39 barras. A metodologia aplicada à análise de múltiplas contingências é
avaliada para os sistemas ITAIPU 11, IEEE 39, IEEE 57 IEEE 118. A m de abranger a aplicabilidade do método a redes com interconexões mais complexas, uma proposta baseada em algoritmo de Evolução Diferencial e medidas de centralidade e apresentada. A metodologia proposta e avaliada para os sistemas ja mencionados, com acréscimo do sistema Polish 2383 barras. Comparações entre os resultados obtidos pelo método proposto
e os tradicionais são realizadas. O método proposto funciona mesmo quando as medidas tradicionais do sistema não estão disponíveis.
Palavras-chave: vulnerabilidade, análise de segurança, medidas de centralidade, Smart Grids.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910