ANALISE COMPARATIVA DE ALGUMAS ESTRUTU-RAS DE FILTROS DIGITAIS DE SEGUNDA ORDEMIMUNES A CICLOS LIMITE.

Nome: Ana Cristina Staut Simmer
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 19/08/1994
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Mario Sarcinelli Filho Orientador

Resumo: Este trabalho tem como objetivo o estudo comparativo do desempenho, a nível da
variância relativa do ruído na saída, em função da largura da banda passante (ou de
rejeição), para algumas estruturas de segunda ordem, no espaço de estados, utilizadas na
implementação de filtros digitais passa-baixas, passa-altas, passa-banda e rejeita-banda. Tal
estudo complementa o trabalho realizado em [23], que aborda apenas o caso de filtros
passa-baixas. Em ambos os estudos, somente estruturas no espaço de estados são
consideradas, por se tratar de implementação de filtros digitais de banda estreita, casos em
que a literatura aponta o bom desempenho de tais estruturas.
A fim de efetuar tal avaliação para todos os espectros, novas transformações
espectrais, derivadas das transformações de Constantinides, são obtidas, permitindo variar a
largura da banda passante (ou de rejeição) de um filtro digital protótipo, implementado na
forma paralela, que é o único único caso aqui abordado.
Todo este esforço se justifica pela importância de se conhecer o comportamento das
estruturas mais adequadas para uma dada aplicação, o que contribui de forma bastante
significativa para o projeto de filtros digitais.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910